FLUC

As disciplinas de Estudos Brasileiros oferecidas pelo Departamento de Línguas, Literaturas e Culturas da FLUC integram o curso de 1º ciclo em Português. Todos os alunos da FLUC e da UC as podem, contudo, frequentar em regime opcional.


PROBLEMAS CRÍTICOS DA LITERATURA BRASILEIRA [licenciatura em Português, 1º semestre, 2015-2016]

Docente: Osvaldo Manuel Silvestre

O programa consiste no estudo do Modernismo Brasileiro enquanto “problema crítico”. Para além de uma reconstituição histórica do “Modernismo de 1922” estudar-se-ão os seus fundamentos teóricos e críticos, as suas implicações e consequências, no plano da literatura brasileira posterior e dos estudos literários no Brasil.

O corpus consistirá no estudo de Macunaíma (1928), de Mário de Andrade, além de vários textos críticos e ensaísticos do autor; no estudo, ainda, de Libertinagem (1930), de Manuel Bandeira; e na poesia de Carlos Drummond de Andrade, de Alguma Poesia (1930) até Claro Enigma (1951).

Objetivos:

1) Conhecer o Modernismo Brasileiro nas suas várias dimensões: literária, cultural, social e política.
2) Compreender o impacto do fenómeno na literatura brasileira posterior e nos estudos literários brasileiros.
3) Questionar os pressupostos e as consequências da auto-representação produzida pelos modernistas brasileiros.
4) Discutir a doxa crítica produzida pelos estudos literários no Brasil sobre o Modernismo de 22.

Conteúdos:

1) O triunfo e retroação do Modernismo na História Literária brasileira: o caso do “Pré-Modernismo”.
2) O corte com a língua e a literatura portuguesas: as posições em debate e a performatividade da posição triunfante.
3) A passagem à “segunda fase” do Modernismo, com o romance de 30: fase destrutiva vs fase construtiva, fase formal vs fase social.
4) A “condenação ao modernismo” dos autores revelados na fase heróica do movimento.
5) A tradução do “triunfo do modernismo” na crítica literária e na institucionalização dos estudos literários brasileiros.


LITERATURA BRASILEIRA [licenciatura em Português, 2º semestre, 2015-2016]

Docente: Cristina Mello

A unidade curricular de Literatura Brasileira define-se como uma disciplina de história literária. Isto significa que esta unidade elege, de entre a longa duração da história da literatura brasileira, um período mais ou menos breve para efeito de apresentação dessa literatura. Caberá ao docente justificar anualmente o período que elege para lecionação, trate-se das origens coloniais, do século XIX ou dos séculos XX e XXI.

A Unidade Curricular “Literatura Brasileira”, oferecida em 2015-2016, detém-se no estudo de três períodos literários: o realismo e sua aproximação ao naturalismo, o parnasianismo e o simbolismo. Cada período será objeto de um conspecto histórico, com atenção particular aos autores mais representativos e à análise de textos literários fundamentais, recorrendo-se também a textos de doutrina estética e de crítica literária.

Os estudantes deverão fazer uma leitura crítica dos romances Memórias Póstumas de Brás Cubas e Dom Casmurro, de Machado de Assis, e O Cortiço de Aluísio de Azevedo, bem como de textos poéticos ilustrativos da poesia parnasiana e simbolista (através de uma antologia disponibilizada na plataforma Nónio).

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s